domingo, 22 de fevereiro de 2015

100 fotos que mudaram o mundo

Um belo livro que recomendo.

Segundo os editores:


"Nominated through on-line votes and selected by Life editors, the 100 images in this compendium cover unforgettable moments in "The Arts," "Society," "War & Peace" and "Science & Nature." The photographs are all striking-whether visually or viscerally, artistically or emotionally-but many are difficult to look at. As Gordon Parks writes in his introduction, "these images helped push us toward a change." And so it's possible to revisit the moments when a white crowd in Indiana cheered at the hanging bodies of two black men, when grieving members of AIDS activist David Kirby gathered around his deathbed, when the 1937 bombing of Shanghai left a train station destroyed and a single bloody child alone amidst the wreckage. There are a few lighter moments-the Beatles arriving at JFK in 1964, the American Olympic hockey team celebrating their 1980 landmark victory over the "Soviet machine"-but over all, this gathering of photos shows our darker hours. There's little here that hasn't been reprinted numerous times, but it's a stirring collection nevertheless. 

Copyright 2003 Reed Business Information, Inc."

Um livro imperdível para os apreciadores do mundo das imagens.


Clique no link  para acessar o arquivo.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

A título de inauguração


Fotografar o mundo, filmar a vida, registrar momentos. Ter uma câmera na mão me fez perceber que clicar uma imagem permite exercitar a visão com um apuro que parece não ter fim. 


Com o mundo das imagens, tenho a possibilidade de reparar tanto em minúcias quanto em vastas paisagens. Quanta diversidade e nuances pode haver em uma simples cena cotidiana!


A fotografia me permite vivenciar de modo muito forte meu relacioamento com o mundo.

Antes de ter contato mais próximo com o universo das imagens, minha visão era voltada mais para o plano geral. Depois dela, passei a estar atento também para o detalhe. 

Há quem diga que eu fotografo demais. Mas a questão é que tudo parece estar posando à espera de ser clicado.

A imagem fotografada não é algo imóvel mas sim um instante do tempo. Cada instante pode se tornar único. Cada instante merece ser uma fotografia. Uma foto vive em momento presente. E dura para sempre.

Para minha surpresa, ao longo da vida, me descobri um blogueiro e inicio aqui um local para armazenar esperiências, dicas, imagens e vídeos. Este é meu terceiro blog.
O primeiro foi o blog de musculação e saúde: http://marcaodick.blogspot.com.br/
O segundo, com minha amada esposa, trata de nossas viagens: http://euqueromaiseviajar.blogspot.com/

E agora, inicio aqui, este blog sobre fotos e vídeos. A idéia é ter à mão tudo que me chama a atenção no universo mágico que se abre quando temos uma câmera na mão.

E o legal é que, ao nascer de um blog, nasce também uma oportunidade de compartilhamento de informação e experiência entre aqueles que têm afinidade com o tema.